Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Municípios Histórico dos municípios alagoanos Histórico do município de Dois Riachos

Histórico do município de Dois Riachos

Histórico, Gentílico e Formação Administrativa do município de Dois Riachos - Alagoas.

Historico

Pouco tempo depois alcançaram a região por serviços de construções da estrada fazendo a ligação entre Delmiro Gouveia e Maceió. Miguel Vieira, muito conhecido no lugar, foi designado para chefiar a turma encarregada dos trabalhos naquele trecho. De espírito dinâmico, aproveitou a oportunidade e construiu um barraco onde começou um pequeno comércio, inclusive com uma pequena hospedaria para viajantes - exatamente onde hoje está situada a Praça da Independência. Em 1936, foi atacado por um bando de cangaceiros chefiados por Corisco.

Nessa época chegou a Garcia, como foi batizada a localidade, Júlio Firmino Lima trazendo mais trabalhadores para os serviços da rodovia. Coube a ele a idéia da realização da primeira feira. O nome Garcia foi dado por causa do riacho do mesmo nome que passa pelo local. O território de Dois Riachos pertencia a Santana do Ipanema até a emancipação política de Major Isidoro, quando passou a integrar o novo município. A situação permaneceu até 1960, quando as lideranças locais conseguiram sua autonomia administrativa através da Lei nº 2238, de 07 de junho.

Gentílico: riachense

SITUAÇÃO: Microrregião de Batalha. Limites com Santana do Ipanema, Major Isidoro, Cacimbinhas e Pernambuco. Situa-se a 200 metros acima do nível do mar. Coordenadas Geográficas - 9º 23'02" de latitude sul e 37º 05'15" de longitude W. Gr.

CLIMA: Temperado, máxima de 35º e mínima de 25º.

ÁREA: 141.69 Km².

Fonte: IBGE

Ações do documento