Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias 2021 DEZEMBRO Secult divulga programação online para festas de fim de ano, confira
23/12/2021 - 14h42m

Secult divulga programação online para festas de fim de ano, confira

As lives serão transmitidas pelo canal oficial da Secult no Youtube, a partir das 18h

Secult divulga programação online para festas de fim de ano, confira

Texto de Camylla Thomasya

 

Em clima de final de ano, o Governo de Alagoas, através da Secretaria de Estado da Cultura (Secult), preparou uma programação especial para os alagoanos. Este ano, ainda em razão da recente pandemia de Covid-19, prezando pela saúde e segurança de todos, não haverão eventos presenciais, mas o público poderá conferir três lives especiais, que serão transmitidas pelo canal oficial da Secult no YouTube.

 

Em comemoração ao Natal, teremos a live Natal Cultural, Aconteceu no Natal, uma homenagem aos 60 anos do Auto de Natal composto pelo maestro alagoano, nascido em Satuba, Hekel Tavares, com textos do dramaturgo carioca Joracy Camargo, lançado em 1962. O projeto conta com contação de histórias de Chico de Assis, Flora e Alecrim e Cia Literando, e trilha sonora sonora de Hekel Tavares e canções dos Folguedos Populares. A Live será transmitida no dia 24 de dezembro, às 18h. 

 

Já no dia 29 de dezembro, a partir das 18h, será transmitida a live Memorial da Cultura, gravada no Memorial da República, em Jaraguá. O evento traz as apresentações da banda Unidade Nova Praia e The High Club com participações de Lore B, Felipe Vas, LLari Gleiss e Yas Oliveira.

 

No dia 31 de dezembro, às 18h, será exibida a live de Réveillon com apresentações de Wilson Silva, Félix Baigon, Rodrigo Avelino, Afoxé Odoyá e Dêza.

 

"Seguindo as orientações do Ministério Público e Organizações Mundiais de Saúde, nossos eventos presenciais foram adaptados para o formato online. Vamos celebrar a chegada do natal e ano novo com apresentações dos nossos artistas, evitando as algomerações", disse a secretária de Estado da Cultura, Mellina Freitas.

Ações do documento