Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias 2021 NOVEMBRO Alunos do IFAL Penedo participam de oficina e produzem curta
27/11/2021 - 21h00m

Alunos do IFAL Penedo participam de oficina e produzem curta

Filme será reproduzido na tenda de exibição durante o encerramento do circuito de cinema

Alunos do IFAL Penedo participam de oficina e produzem curta

Nos dias 26 e 27 de novembro, o Circuito Penedo de Cinema, em parceria com o Sebrae Alagoas, proporcionou aos alunos do Instituto Federal (IFAL) da cidade a produção de seu primeiro filme. O trabalho é o resultado da oficina “Realização Cinematográfica”, onde os estudantes puderam entender que, por trás do que se é mostrado em salas de cinema, existe um processo árduo de elaboração.

Trazendo uma produção com diferentes ângulos e cortes, a oficina ministrada pela produtora Alê Moretti deixou impressões marcantes nos jovens, que descreveram a experiência como trabalhosa e inesquecível, mas também como prazerosa e surpreendente, arrancando orgulhosos aplausos da turma de estudantes responsáveis pela realização do curta.

Aproveitando o trabalho realizado com os alunos na oficina de criação de roteiro, Alê explica que “Carta ao Velho Chico” foi construído em três etapas, a primeira sendo uma aula de atuação ministrada por Wander Melo, onde foi trabalhado meios de atuar e, principalmente, de como agir no set de cinema. Em seguida, os alunos puderam entender sobre o passo a passo de uma fotografia e, alguns jovens, foram treinados para exercer o papel de diretor de fotografia, assistente de foto, diretor de som e assistente de som. Por último, os estudantes seguiram para a beira do Rio São Francisco, local que serviu como set de filmagem para a produção.

O curta, além de ser uma experiência nova, foi para Damião Brown, aluno do 3º ano do curso de química do IFAL, uma realização artística pessoal que o fez se conectar ainda mais com suas raízes, especialmente com seu pai, que faleceu no início deste ano em decorrência da Covid-19.

“A oficina teve uma importância muito grande pra mim (…) eu nem pensava em participar, mas quando recebemos o convite eu pensei ‘vai dar certo’. E ainda estou passando por um momento de recuperação física e mental, reaprendendo a lidar com a vida, a vida após o luto (…) e agora eu estou aprendendo a tocar sozinho a minha vida, porque antes quando eu tinha o meu artista, o meu pai, sempre quando eu fazia alguma coisa perguntava: pai, tá bom? gostou? fiz um desenho, tá legal? e sempre ele queria que eu desse o meu 100% em tudo e dessa vez não tinha ele para me dar essa aprovação” contou Damião.

O autor da carta que deu nome, e roteiro, ao curta relatou ainda que seguiu o último conselho do pai, e se permitiu dar tudo de si durante a produção do filme. Contou ainda que se sente muito orgulhoso com o resultado.

“Carta ao Velho Chico” será exibido na sala de exibição neste domingo (28), na praça 12 de abril, durante o encerramento do circuito .

Ações do documento