Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias Conselho realiza primeira reunião de 2015 e secretária defende pacto pela cultura
01/04/2015 - 08h27m

Conselho realiza primeira reunião de 2015 e secretária defende pacto pela cultura

Em pauta, apresentação dos integrantes, deliberação da nova linha de trabalho, anúncio de editais e explanação de projetos da Secult

Conselho realiza primeira reunião de 2015 e secretária defende pacto pela cultura

Presidente Mellina Freitas debateu novas diretrizes culturais junto aos conselheiros.

Teresa Machado

O Conselho Estadual de Cultura (CEC) realizou na manhã desta terça-feira (31) a primeira reunião ordinária do colegiado de 2015. O encontro ocorreu no Salão de Despachos do Palácio Marechal Floriano Peixoto. Em pauta, apresentação dos membros, deliberação da nova linha de trabalho, anúncio de editais e explanação de projetos da Secretaria de Estado da Cultura (Secult).

Durante a reunião, a presidente do Conselho, secretária da Cultura Mellina Freitas, falou na construção de um novo pacto pela cultura. "Esta primeira reunião foi importante para estreitarmos as relações e estabelecer um pacto no sentido de desenvolver a cultura e resgatar a autoestima do povo alagoano", declarou.

Na reunião, foram definidas as novas linhas de trabalho a serem adotadas pelo Conselho. “As reuniões serão democráticas e participativas. O lema da nossa gestão é o diálogo. Neste Conselho, pretendemos ampliar a visão nas políticas de cultura”, afirmou a presidente do CEC Mellina Freitas.

Para o membro do colegiado Jayme de Altavila, o conselho representa diversos segmentos culturais junto ao Governo. “O conselho é um avanço para a cidadania, através da representatividade dos membros podemos sugerir ações junto ao governo do Estado”, disse.

O Conselho Estadual de Cultura (CEC), integrante da estrutura orgânica da Secretaria de Estado da Cultura, tem por finalidade deliberar sobre a Política Estadual de Cultura e o Plano Estadual de Cultura, acompanhar sua execução, bem como assessorar o secretário de Estado da Cultura, nos termos de seu regimento interno. O CEC é composto de 19 membros, recrutados entre representantes da Sociedade Civil e do Poder Público, todos nomeados pelo chefe do Poder Executivo Estadual.

Ações do documento