Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias Cultura alagoana é tema de livros lançados pela Secult e Imprensa Oficial
15/09/2016 - 12h20m

Cultura alagoana é tema de livros lançados pela Secult e Imprensa Oficial

Obras sobre folclore, cordel e teatro foram selecionadas por meio de edital

Cultura alagoana é tema de livros lançados pela Secult e Imprensa Oficial

Apoio à produção literária contemplou dez autores alagoanos com a publicação de seus textos (Ascom Imprensa Oficial Graciliano Ramos)

Texto de Teresa Machado

Os segmentos da cultura alagoana ganham as páginas da literatura. Cordel, folclore e teatro são os temas dos três livros lançados, na noite de quarta-feira (14), pela Secretaria de Estado da Cultura e Imprensa Oficial Graciliano Ramos. O lançamento aconteceu dentro do projeto “Alagoas República das Artes”, que promove atividades artísticas e culturais no Memorial à República.

 

As obras foram selecionadas por meio do Edital de Apoio à Produção Literária, que contemplou dez autores alagoanos com a publicação dos seus textos e premiação total de R$11 mil. "O edital em parceria com a Imprensa Oficial foi uma forma de valorizarmos e divulgarmos os escritores alagoanos, além de estimular a produção literária no Estado", afirmou a secretária Mellina Freitas.

 

Os três títulos terão uma tiragem individual de 500 exemplares e serão distribuídos em todo o país. Segundo o coordenador editorial da Imprensa Oficial Graciliano Ramos, Fernando Coelho, a expectativa da editora é finalizar o ano com mais de 30 obras publicadas. “Os livros apresentam textos de alta qualidade que irão disseminar a cultura alagoana. Estamos com editais abertos a fim de descobrir novos talentos, formar novos escritores e estimular a demanda da produção literária”, disse Coelho.

 

 

A obra "Cultura Alagoana" traz quatro artigos sobre folclore dos escritores Luiz Cleysson, Daniel Cavalcante, Jefferson Nunes, Anderson Silva, Rosaline Paranhos e Anderson Diego. O livro "Novo Teatro" apresenta três textos de peças de Leda Almeida, Tauan de Melo Pita e Iriwelton Caetano de Moura. Já o livro "Sertão e o cangaço", de Geno, traz literatura de cordel. “A poesia de cordel é uma marca da cultura alagoana e identidade do povo sertanejo. Escrever sobre o cangaço é contar a história do nosso povo”, afirmou o escritor Geno.

 

O edital de Incentivo à Produção Literária foi lançado através dos programas de Fomento e Incentivo à Cultura Alagoana (Fica/Secult), e Incentivo à Cultura Literária (IOGR). 

 

Ações do documento