Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias Cultura leva programação para Dia D do Vida Nova nas Grotas nesta terça-feira (14)
13/05/2019 - 15h51m

Cultura leva programação para Dia D do Vida Nova nas Grotas nesta terça-feira (14)

Evento acontece na Grota do Poço Azul, no Jardim Petrópolis

Cultura leva programação para Dia D do Vida Nova nas Grotas nesta terça-feira (14)

Alunos da oficina de Hip Hop se apresentarão no Dia da D. Foto: Thiago Sampaio.

O Governo de Alagoas, por meio do programa Vida Nova nas Grotas - realizado em parceria com o Programa das Nações Unidas para Assentamentos Humanos/Onu-Habitat, desde 2017 vem  abrindo portas para que crianças, jovens e adultos da periferia tenham acesso à cultura e outras ações e serviços que, desde então, vem sendo realizados pelo Estado nas comunidades de Maceió.

Nesta terça-feira (14), o governador Renan Filho e o diretor do Escritório Regional do ONU-Habitat para a América Latina e o Caribe, Elkin Velasquez, participam do Dia D do Vida Nova nas Grotas, durante evento na Grota do Poço Azul, no Jardim Petrópolis, a partir das 9h30. A equipe da Secretaria de Estado da Cultura (Secult) estará presente na ocasião, distribuindo kits para alunos da oficina de Hip Hop e levando apresentações artísticas do MC Tribo, e folclóricas com o Coletivo Cultural Nossa Gente Alagoana, com as Taieiras.

Durante todo o período de execução do programa, a Secult tem registrado bons resultados nas ações que desenvolve em grotas de Maceió. Semanalmente, são oferecidas oficinas socioculturais gratuitas, que usam a arte como instrumento de formação cidadã. Desde 2017, mais de 200 jovens foram atendidos em oito grotas: Grota do Aterro, Canaã, Macaxeira, Ouro Preto, Pau D’Arco, Bananeira, Grutão e Rafael. Hoje eles aprendem sustentabilidade criativa, Hip Hop, percussão, coco de roda, teatro e pastoril. Nos anos anteriores, também já foram oferecidas aulas de dança, teoria musical e cultura popular.

 “Estamos conversando com os líderes comunitários a fim de promover atividades que atendam as demandas da comunidade, levando mais inclusão social e cultura para todos” destaca a secretária de cultura Mellina Freitas.

Ações do documento