Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias Governo do Estado participa de Congresso dos Artesãos Alagoanos
02/06/2017 - 00h00m

Governo do Estado participa de Congresso dos Artesãos Alagoanos

Evento fez um balaço do Programa Alagoas Feita à Mão e elegeu delegados para o Congresso Nacional que acontecerá em Brasília

Governo do Estado participa de Congresso dos Artesãos Alagoanos

No evento, a primeira-dama de Alagoas, Renata Calheiros, falou sobre os projetos voltados ao artesanato, que contam com o apoio da Secretaria do Desenvolvimento Econômico e do Turismo (Fotos: Thiago Sampaio)

Texto de Iara Malta

O Governo do Estado participou nesta sexta-feira (2), na Assembleia Legislativa de Alagoas, do 1º Congresso Estadual dos Artesãos Alagoanos, fazendo um balanço sobre o Programa Alagoas Feita á Mão e orientando os artistas populares sobre a importância do cadastramento e do fortalecimento como produtores e geradores e renda.

 

A primeira-dama de Alagoas, Renata Calheiros, participou do evento para falar sobre os projetos voltados ao artesanato, que contam com o apoio da Secretaria do Estado do Desenvolvimento Econômico e do Turismo (Sedetur).

 

 

“Temos obtidos resultados surpreendentes e grande aceitação e vendas durante as feiras nacionais. Além disso, o Programa Alagoas Feita à Mão mapeia os polos produtivos e está construindo a identidade do artesanato alagoano, preservando sua essência. Para os próximos meses apresentaremos novidades que reforçarão a projeção do artesanato e trará o resgate do orgulho alagoano”, disse.

 

Renata Calheiros destacou que o Governo está presente em todas as ações que envolvem o fomento, divulgação e apoio ao artesão. “O Estado tem hoje 13 mil artesãos cadastrados, com capacidade produtora e com produtos ricos e diferenciados em relação a qualquer outro produzido no Brasil. O Governo de Alagoas não quer que esta potencialidade fique fechada nos ateliês, e por isso não mede esforço para trazer mais desenvolvimento para o setor”, relatou.

 

A gerente de Design e Artesanato da Sedetur, Daniela Vasconcelos, deu uma palestra detalhada para os artesãos sobre o ‘Alagoas Feita à Mão’ e o impacto econômico do artesanato. “A Sedetur trabalha com o objetivo de fortalecer o artesanato alagoano, por meio de apoio à comercialização. Entre outras coisas, entendemos que vocês precisam escoar a produção artesanal, que contribui fortemente para o desenvolvimento econômico do Estado”, disse Daniela Vasconcelos.

 

O Governo também levou a boas notícias, por intermédio da Agência de Fomento de Alagoas (Desenvolve), que foi a doação de barracas para a Federação Alagoana dos Artesãos e disponibilização de linhas créditos especiais para os profissionais.

 

“O Governo tem todo o interesse de ajudar na captação desses créditos, mas é importante que haja uma organização dos grupos produtivos, como ressaltou a própria primeira-dama”, afirmou Maurício Cominotti, diretor de Desenvolvimento de Projetos da Desenvolve.

 

Congresso

 

A presidente da Federação Alagoana dos Artesãos, Lindinalva Camargo, e a presidente da Confederação Nacional dos Artesãos, Isabel Gonçalves, destacaram a importância dos investimentos do Estado de Alagoas, o fortalecimento deste grupo produtivo para geração de renda e a preservação da identidade cultural do país. Além disso, salientaram que é preciso que os artesãos se informem sobre a legislação vigente.

 

O evento contou com o apoio da deputada estadual Jó Pereira, que tem atuado pela causa artesã por meio da apresentação de projetos, como o que cria a Semana do Artesão Alagoano, e a criação da Frente Parlamentar em Defesa do Artesanato. “Esta Casa é do povo e devemos trabalhar para trazer benefícios para todos. No caso do artesanato, estamos legislando por um importante conjunto social que tem ligação direta com nossa cultura e a arte alagoana”, afirmou a parlamentar.

 

Durante o 1º Congresso Estadual dos Artesãos houve também a eleição dos trinta delegados que vão representar Alagoas no congresso nacional que acontecerá em agosto, em Brasília. Participaram do congresso estadual representantes do Sebrae de Alagoas e a Federação do Comércio de Alagoas (Fecomércio), além de outros parceiros do artesanato alagoano.

Ações do documento