Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias Secult lança premiação de R$ 60 mil para o setor audiovisual
28/07/2016 - 15h35m

Secult lança premiação de R$ 60 mil para o setor audiovisual

Trabalhos serão avaliados por uma comissão julgadora, que terá autonomia na analise técnica e decisão de seleção

Secult lança premiação de R$ 60 mil para o setor audiovisual

Projetos serão analisados de acordo com o caráter cultural, relevância, experiência, capacidade técnica, potencial de realização e critérios específicos

Texto de Daniel Borges

O segmento audiovisual está entre os contemplados no Prêmio Diogo Silvestre que irá investir mais de meio milhão de reais por meio do Programa de Fomento e Incentivo à Cultura em Alagoas (FICA). A produção cinematográfica alagoana é uma das categorias do prêmio que visa a democratização de recursos e fomento da arte do Estado.

 

O setor será beneficiado com uma premiação total de R$ 60 mil, para a aquisição de curtas e documentários para a difusão e acervo da Secretaria de Estado da Cultura. Grupos, cineastas e produtores podem se inscrever até o dia 22 de agosto.

 

Os proponentes devem ser pessoas físicas e jurídicas que moram em Alagoas a pelo menos um ano, com comprovada atuação na área cultural, que sejam responsáveis direto da elaboração e concepção do projeto.

 

Os trabalhos serão avaliados por uma comissão julgadora, composta por especialistas de reconhecido prestígio na área julgada, que terá autonomia na analise técnica e decisão de seleção quanto ao projeto apresentado.

 

Os projetos serão analisados de acordo com o caráter cultural, relevância, experiência, capacidade técnica, potencial de realização e critérios específicos, como  identidade cultural, roteiro, trilha sonora, fotografia e o currículo do proponente.

 

A relação de documentação necessária e os editais completos estão disponíveis no endereço eletrônico http://www.cultura.al.gov.br/editais-e-concursos/2016/premio-diogo-silvestre/audiovisual

 

Os recursos para o desenvolvimento desta ação são oriundos do programa de trabalho de implantação do FICA, do orçamento do Fundo de Desenvolvimento de Ações Culturais (FDAC).

Ações do documento