Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias Vencedoras do 1ª Concurso de Poesia Jorge de Lima são premiadas pela Secult
29/02/2016 - 09h00m

Vencedoras do 1ª Concurso de Poesia Jorge de Lima são premiadas pela Secult

Durante solenidade, secretária Mellina Freitas anunciou a 2ª edição do certame

Vencedoras do 1ª Concurso de Poesia Jorge de Lima são premiadas pela Secult

Estudantes Carlina Rocha Leite, Monique de Azevedo Andrade e Kamilla Ramos de Barros receberam os troféus de 1ª, 2ª e 3ª colocadas, respectivamente.

Texto de Teresa Machado

As vencedoras do 1º Concurso de Poesia Jorge de Lima, realizado pela Secretaria de Estado da Cultura (Secult), receberam, nesta segunda-feira (29), a premiação oficial do certame. A solenidade aconteceu no Salão Nobre do Museu Palácio Floriano Peixoto e contou com a presença de personalidade da cultura alagoana.

Durante o evento, a secretária Mellina Freitas anunciou a 2º edição do concurso e o lançamento de um novo edital. “Em maio, iremos publicar o novo Concurso de Poesia, que deverá contemplar uma gama maior de proponentes. Ainda no segundo semestre, a Secult irá lançar o 1º Concurso de Contos Heliônia Ceres, homenageando a pesquisadora, jornalista e escritora alagoana”, confirmou a secretária.

As estudantes Carlina Rocha Leite, Monique de Azevedo Andrade e Kamilla Ramos de Barros receberam os troféus de 1ª, 2ª e 3ª colocadas, respectivamente. As poesias vencedoras foram declamadas pelo ator Paulo Poeta e elogiadas pelo público presente.

“Parabenizo as alunas vencedoras, que entre tantos escritos se destacaram com suas poesias. Escritores se formam no dia a dia, trabalhando sua própria linguagem. E esse concurso foi uma amostragem dos bons poetas que temos em nosso Estado”, ressaltou a pró-reitora do Cesmac, Vera Romariz.

A 1ª colocada, Carlina Rocha, agradeceu o apoio dos amigos e familiares. “Só tenho a agradecer aos meus pais e professores pelo incentivo que sempre me deram, e a Secretaria de Cultura pela oportunidade de mostramos o nosso talento”.

O assessor Daniel Barbosa prestigiou a cerimônia de premiação, representando o vice-governador e secretário de educação Luciano Barbosa. “Hoje tivemos a satisfação de conhecer poesias de grande qualidade. A secretária Mellina vem realizando um trabalho primoroso à frente da cultura”, disse Barbosa.

Para a titular da pasta de cultura, a escolha do poeta Jorge de Lima para denominar o concurso estimula a nova geração de escritores. “Jorge de Lima ficou conhecido como ‘Príncipe dos Poetas’, após um concurso literário. Ele nos inspirou a lançar o 1º Concurso, como uma forma de identificar novos poetas, estimulando nossos jovens, resgatando e valorizando os artistas locais. Recebemos dezenas de poesias, de jovens de todo o Estado, de escolas públicas e privadas. Ficamos muito orgulhosos da produção literária dos nossos estudantes. E hoje, nós temos a honra de apresentar aos ilustres convidados as grandes vencedoras”, ressaltou Mellina Freitas. 

Ao todo, o certame premiou em R$ 4.500,00 três poesias. Kamilla Ramos de Barros, do Colégio Santíssimo Senhor, ficou com a 3ª colocação, com a poesia “Texturas no Céu”. Seus versos nos apresentaram uma mistura de romance, paixão e mitologia grega. “Fantasia ou amor? Amor ou fantasia? Se era amor, acabou. Se era fantasia, nunca existiu”.

A 2ª colocada Andreza Monique de Azevedo Andrade, da Escola Estadual Professora Guiomar de Almeida Peixoto, trouxe a poesia “Alagoas”. Um lindo poema que nos desperta o sentimento de amor por nossa terra. “Alagoas é minha terra, osculada pelo mar, uma beleza sem par. D’um povo bravo, feliz. Há nela amor, há candura”.

E finalmente, a grande vencedora, Carlina Rocha Leite, aluna Escola Fundação Bradesco, com a poesia Caneta Muda. A poesia traz uma sutileza nos versos e na rima, embalada na brincadeira séria da arte de escrever. “Puxei assunto com a caneta, ela não mudou de opinião. Continuei a insistir, mas ela me escreveu que não.”

Estiveram presentes na solenidade a pianista Selma Britto, a presidente da Fundação Pierre Chalita Solange Chalita, o presidente da Casa da Palavra Ricardo Nogueira, o poeta e arquiteto Carlos Moliterno, a jornalista Ivone dos Santos e o poeta André Maurício.

Ações do documento